Polícia

Polícia prendeu três homens que fingiam ser ambulantes são presos por roubar turistas nas praias do Rio de Janeiro

Publicados

Polícia

Polícia prendeu três pessoas apontadas como integrantes de uma quadrilha que furtava celulares e cartões de banco nas praias do Rio – Foto: Reprodução / TV Globo

A polícia prendeu três pessoas apontadas como integrantes de uma quadrilha que furta telefones celulares e cartões de banco nas praias de Ipanema e Copacabana, na Zona Sul do Rio. De acordo com as investigações, os principais alvos eram turistas estrangeiros. Os suspeitos foram presos na tarde de quarta-feira (15).

Jean Valentini de Souza, José Cláudio da Silva e Sérgio Carlos dos Santos Júnior ficavam em um ponto da Rua Santa Clara, em Copacabana, e recebiam o material que outros integrantes do grupo furtavam nas praias.

Eles se passavam por vendedores ambulantes para distrair as vítimas e levavam cartões de banco para fazer compras e saques.

Um casal, vítima da quadrilha, afirmou em depoimento à Polícia Civil que o prejuízo chegou a R$ 30 mil.

Os detidos foram levados para a Delegacia de Ipanema e depois encaminhados para audiência de custódia. Do G1 Rio

Leia Também:  Concurso público para soldado da Polícia Militar em SP abre 2,7 mil vagas com prova em 11 cidades; salário é de R$ 3,8 mil
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Polícia Militar prende homem suspeito de matar pai e mãe com marreta após discussão em São Gonçalo, no Rio de Janeiro

Publicados

em

Agentes do Segurança Presente prendem acusado de matar os pais  – Foto: Reprodução

Um homem foi preso nesta segunda-feira (4), em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, suspeito de matar os pais com uma marreta.

De acordo com a Polícia Militar, homens do 7ºBPM (São Gonçalo) foram acionados para ir ao bairro Sacramento para verificar uma ocorrência de homicídio. No local, os policiais encontraram duas vítimas.

Instantes depois, o suspeito de cometer o crime foi detido por uma equipe do Segurança Presente, em uma galeria comercial, no bairro Pacheco. No local, ele comprou chinelos e entrou em uma barbearia.

Segundo os agentes, ele estava confuso, não respondeu a nenhuma pergunta e tentou fugir. Ele estava com R$ 4.200 em espécie, um celular, documentos da Previdência Social e cartões de banco de uma das vítimas.

O homem foi levado para a 74ª DP, em Alcântara, onde foi preso em flagrante. Segundo informações iniciais, ele teria cometido o crime após discutir com o pai e a mãe e sob o efeito de drogas.

Leia Também:  Médica contratou três meliantes para cortarem o pênis do marido e colocar fogo no carro e na casa da vítima

Policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) já estão fazendo diligências para esclarecer os fatos. Do G1 Rio

Suspeito de matar os pais com marreta foi preso em uma galeria comercial em São Gonçalo – Foto: Reprodução

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

TUDO SOBRE POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA