Mundo

Ministro da Indústria, Denis Manturov, da Rússia quer refinarias de petróleo e gás em conjunto com países do Brics

Publicados

Mundo

De acordo com o governo russo, medida ajudaria a reduzir a dependência de fornecimento de energia de “parceiros não confiáveis” – Foto: Reuters / Dominique Patton

Reuters – O ministro da Indústria da Rússia, Denis Manturov, pediu nesta segunda-feira que os países do Brics, grupo de economias emergentes, constituam instalações de refino de petróleo e gás em conjunto com a Rússia, informou a agência de notícias TASS.

Manturov disse que a medida ajudaria a reduzir a dependência de fornecimento de energia de “parceiros não confiáveis”, de acordo com a TASS.

O grupo dos Brics é formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Bombardeio russo mata mais de 70 militares ucranianos em uma base militar na cidade de Okhtyrka
Propaganda

Mundo

Ucrânia volta a bombardear centro de Donetsk: As autoridades pediram aos moradores que “saiam das ruas e se protejam”

Publicados

em

As autoridades pediram aos moradores da cidade que “saiam das ruas e se protejam” – Foto: Reprodução

RT – As forças ucranianas voltaram a bombardear os bairros centrais da cidade de Donetsk na tarde deste sábado, segundo a representação da República Popular de Donetsk no Centro Conjunto de Controle e Coordenação e no processo de negociação. As autoridades da cidade pediram à população que “saia das ruas e se proteja”.

Foi detalhado que às 15h50 (horário local), atentados foram registrados pelo regime de Kiev contra o distrito de Voroshilovski. “Foram lançados cinco projéteis de calibre 155 milímetros”, acrescentou a representação em seu canal Telegram. Mais tarde, os militares ucranianos dispararam mais de 30 projéteis nos distritos de Voroshilovsky e Kievsky.

De acordo com o prefeito da cidade, Alexei Kulemzin, alguns disparos caíram “na rua Universitétskaya, perto do cinema Zviozdochka, bem como perto do estádio Donbass Arena e do complexo de exposições Expodonbass”.

Por sua vez, a equipe RT observou que “entre 3 e 4 mísseis por minuto foram lançados contra o centro de Donetsk”. “O grande número de mísseis lembra o ataque da Ucrânia a Donetsk na segunda-feira, o maior registrado desde o início do conflito”, disse o enviado especial da mídia, Mauricio Ampuero, que está atualmente na cidade.
A sede da Defesa Territorial da República Popular de Donetsk informou que os ataques de sábado deixaram cinco mortos e 12 feridos.
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  ONU diz que havia pacientes em maternidade de Mariupol e que Rússia faz "ataques indiscriminados"
Continue lendo

POLÍTICA

TUDO SOBRE POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA