Geral

“O senhor vai ver como um viado de bosta age”, disse comissário antes de expulsar homofóbico de voo da Latam

Publicados

Geral

Passageiro xingou comissário de “viadinho de bosta” antes de decolagem e acabou sendo retirado do voo, com a presença da Polícia Federal – Foto: Reprodução

Portal Fórum – Um caso ocorrido durante um voo da Latam em São Paulo, na última segunda-feira (14), está viralizando nas redes sociais. Na manhã daquele dia, um passageiro xingou um comissário de “viadinho de bosta” e acabou sendo retirado do avião, com o auxílio da Polícia Federal.

Segundo testemunhas, o homem estava dormindo em seu assento, pouco antes da decolagem, quando um comissário pediu para que ele ajustasse sua poltrona, como de praxe, para o procedimento. O homem, então, teria ficado irritado e proferido o xingamento homofóbico. O funcionário, então, teria acionado seu chefe, que foi conversar com o passageiro e também foi xingado de “bosta”.

A Polícia Federal, então, foi acionada pela tripulação e o avião, que já estava fazendo o taxiamento para a decolagem, retornou para que o passageiro pudesse ser retirado do voo.

O caso aconteceu no aeroporto de Guarulhos em um voo que tinha como destino a cidade de Fortaleza.

Leia Também:  Fazendo amor na Van: Entregador é demitido após vídeo flagrar mulher saindo da porta traseira de van

“Esclarecemos que foi solicitado o apoio da Polícia Federal para realizar o desembarque de um passageiro do voo LA3333 (São Paulo/Guarulhos – Fortaleza) da manhã de hoje (14) em função de comportamento indisciplinado. Repudiamos veemente qualquer tipo de ofensa e qualquer opinião que contrarie o respeito não reflete os valores e os princípios da empresa. Estamos à disposição. Reforçamos ainda que seguimos os mais elevados padrões de segurança, atendendo rigorosamente aos regulamentos de autoridades nacionais e internacionais”, informou a Latam através das redes sociais.

De acordo com testemunhas, após a Polícia Federal ser acionada, pouco antes da retirada do passageiro do voo, o chefe dos comissários teria dito ao passageiro: “Agora o senhor vai ver como um viado de bosta age”.

E Veja Também no 3 de Julho

Veja o Vídeo Abaixo: Deputada Perpétua Almeida alertou para os constantes reajustes do preço dos combustíveis. No município de Marechal Thaumaturgo, o litro da gasolina está custando R$ 9,10. “Nunca foi tão caro encher um tanque de um carro, moto ou de um motorzinho no Acre. A gasolina nunca esteve tão cara no Brasil quanto agora, no governo de Bolsonaro.

Leia Também:  Veja o Vídeo: bombeiro é preso após atirar várias vezes e causar pânico dentro de um bar em João Pessoa

Acompanhe nossas Redes Sociais

Twitter 3 de Julho Notícias

Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos

Página Facebook 3 de Julho Notíci

Página do Instagram 3 de Julho Noticias

Veja o Vídeo:

Veja-se no  Twitter 3 de Julho Notícias, seja membro e compartilhe

Veja-se no  Youtube 3 de Julho Notícias Vídeos, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página Facebook 3 de Julho Notíci, seja membro e compartilhe.

Veja-se na  Página do Instagram 3 de Julho Noticias, seja membro e compartilhe.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Geral

Veja os Vídeos: Ciclone chega ao Brasil com ventos de até 100 km/h. Ciclone deve provocar quedas nas temperaturas

Publicados

em

Ciclone deve provocar quedas nas temperaturas, chuvas fortes e rajadas de ventos de até 100 km/h – Foto: Secom / Prefeitura de Chapecó

Um ciclone extratropical, que vai se formar na costa brasileira entre a noite desta terça-feira (9) e a madrugada de quarta-feira (10) deve provocar quedas nas temperaturas, chuvas fortes e rajadas de ventos de até 100 km/h nos estados do Sul e do Sudeste do país. As informações são do portal CNN Brasil.

Por conta da mudança nas condições do tempo, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu avisos de grande perigo para diferentes regiões do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e também para as cidades do litoral paulista.

A previsão é que o ciclone se forme na costa paranaense e catarinense e de São Paulo e provoque rajadas de vento e chuvas nos três estados ao longo da quarta-feira, sobretudo em cidades litorâneas.

Minas Gerais e o Rio de Janeiro também deverão receber pancadas de chuva durante o dia, mas estão fora do radar de alerta do Inmet.

Leia Também:  Crianças de escola investigada por maus-tratos tiveram 'intensos sofrimentos físicos e psicológicos', diz MP

Veja os Vídeos:

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

TUDO SOBRE POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA