Famosos

Tribunal de Justiça mantém condenação de Antonia Fontenelle por associar Felipe Neto a pedofilia

Publicados

Famosos

Antonia Fontenelle e Felipe Neto: youtuber ganhou novo processo contra atriz – Foto: Divulgação

A atriz e youtuber Antonia Fontenelle perdeu o recurso que impetrou contra a condenação por difamação contra o youtuber Felipe Neto e seu irmão Luccas Neto.

Na sentença de dezembro de 2021, a atriz foi condenada pela Justiça a prestar serviços comunitários por um ano e a 52 dias-multa pelos crimes de calúnia, difamação e injúria ao associar os irmão ao crime de pedofilia.

O recurso foi julgado nesta terça-feira (31) pela 1ª Câmara Criminal do Rio de Janeiro e considerado improcedente por unanimidade pelos três desembargadores que analisaram a apelação.

“O Poder Judiciário mais uma vez reconheceu que a sra. Antonia Fontenelle utiliza seus canais de comunicação como instrumento para injuriar, difamar e caluniar pessoas.

Essa decisão, proferida por três desembargadores, deixa muito claro que liberdade de expressão não é liberdade de ofensa”, disse o advogado André Perecmanis, que representa Felipe e Luccas Neto.

Na ação, movida pelos irmão Neto, são mencionados posts de Antonia em que ela associa falas dos influenciadores à erotização de crianças. Em uma das postagens, ela afirma: “Estou julgando inadequada a atitude do teu irmão Luccas Neto pagando b****** numa garrafa de vidro”.

Leia Também:  Ministro do Supremo Tribunal Federal decide que patrões podem exigir comprovante de vacina

Antonia Fontenelle ainda pode apelar da condenação no STJ e em última instância no STF.

Outra condenação em janeiro

Em janeiro desse ano, Antonia recebeu nova condenação por três crimes de difamação, um de injúria e outro de calúnia contra o youtuber Felipe Neto.

Neste caso, ela foi condenada a um ano e nove meses de detenção em regime aberto (substituída por duas penas de prestação de serviços comunitários) e ao pagamento de indenização no valor de R$ 40 mil por afirmar sem provas, em vídeo em seu canal do Youtube, que “teria sido coagida por Felipe Neto em uma reunião, que este teria tentado lhe aplicar um golpe e que ele já teria estragado a vida de muitas pessoas”.

No mesmo vídeo, Antonia chama Felipe Neto de sociopata, caracterizando o crime de injúria. Ela também divulgou pelo YouTube que Felipe teria afirmado que “não usa drogas em serviço”, dando a entender que ele é usuário de drogas fora do serviço, caracterizando o crime de calúnia.

Em depoimento, durante a instrução processual, a atriz confirmou as falas do vídeo, mas em dado momento disse que se tratava de uma brincadeira.

Leia Também:  De vestido, Flávia Alessandra surge deslumbrante em sua mansão no Rio: ''Um raiozinho de sol''

“A querelada afirma que nunca acusou Felipe de usar droga, mas contou a conversa que teve com o mesmo. Acredita que Felipe apenas queria ser engraçado, tendo deixado bem claro na sua declaração que o querelante não é usuário de droga. Questionada sobre o motivo pelo qual a querelada disse ‘Eu não tenho como provar nada disso que estou falando. Quem quiser acreditar, acredite. Quem não quiser, não acredite. Eu não tenho a menor preocupação com isso. ’, posto que achava se tratar de uma brincadeira de Felipe. Confirma ter dito que o querelante a coagiu no encontro que teve com o mesmo, assim como já fez com outras pessoas”, diz trecho da sentença do juiz que não aceitou os argumentos da atriz.

A condenação de janeiro também é em primeira instância, e ainda cabe recurso. Após transitar em julgado em todas as instâncias recursais, um juiz da vara de execuções penais deve determinar onde a atriz vai cumprir a pena de serviços comunitários e quando deverá pagar a indenização. Do G1 Rio de Janeiro

O youtuber Felipe Neto, que falou publicamente sobre o problema de depressão que enfrenta – Foto: Divulgação (via BBC)

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Famosos

“Fofoca”: Alexandre Frota rebate declarações da ex-mulher Claudia Raia sobre ele e Marisa Monte, “passando da curva”

Publicados

em

Extra – Alexandre Frota não gostou nadinha das declarações da ex-mulher Claudia Raia sobre ele. Durante o último programa “Saia Justa” com Sabrina Sato e Asdrid Fontenelle, a atriz se mostrou irritada em ser associada ao ex-ator e atual deputado federal e entregou que a cantora Marisa Monte perdeu a virgindade com ele.

Chateado, Frota publicou um texto nos stories comentando a “fofoca” e sobrou até para Asdrid e Sabrina Sato.

“Lamento muito que a Claudia ainda não tenha me esquecido. Com todo respeito, acho que ela está errando e passando da curva. Com o tempo, está ficando engraçada e ainda colocou na fofoca a Marisa (Monte). O mais interessante é a Astrid às gargalhadas (mais previsível impossível). As duas, não sei quem são, o que fazem. E a Sabrina Sato não pode rir muito. Se a gene começar a falar, vai ter muita gargalhada. Pior do que os que fazem fofoca, só os que param para ouvi-las”, escreveu.

Durante sua participação no programa “Saia justa”, na noite da última quarta-feira, Claudia Raia revelou que se sente incomodada por sempre ser associada ao ex-marido, Alexandre Frota. A atriz disse ainda ter vivido outros relacionamentos, também com nomes conhecidos, mas, segundo ela, as pessoas só falam de seu casamento com o atual deputado federal. Claudia acabou entregando que a cantora Marisa Monte perdeu a virgindade com Frota para “dividir um pouco do peso”.

Leia Também:  Luísa Sonza dá empinadinha na cama em “ensaio picante” e deixa fãs enlouquecidos

“Eu passo por isso, amor. Só eu namorei o Alexandre Frota, só eu casei com ele. Marisa Monte perdeu a virgindade com Alexandre Frota. Então não fui só eu. Estou aqui só dividindo um pouco do peso”, disse Claudia Raia.

Alexandre Frota e Marisa Monte namoraram nos anos de 1980, quando ele fazia sucesso como ator em novelas e a cantora ainda não tinha estourado nacionalmente e atuava em musicais da época.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

TUDO SOBRE POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA