Política de São Paulo

Deputada estadual Janaina Paschoal ataca Bolsonaro e troca farpas com a deputada Carla Zambelli

Publicados

Política de São Paulo

A deputada criticou a interferência de Bolsonaro na disputa pelo Senado em São Paulo e disse que ele busca um “pau mandado” – Foto: Alesp

A deputada estadual Janaina Paschoal (PRTB), pré-candidata à vaga de São Paulo para o Senado neste ano, atacou Jair Bolsonaro nas redes sociais, acusando-o de interferência na disputa pelo Senado em São Paulo.

“Por que Bolsonaro quer um Senado de pau-mandado?”, questionou a deputada, que já foi aliada do chefe do Executivo e é uma das autoras do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

A publicação nas redes sociais foi uma indireta à deputada federal Carla Zambelli (PL-SP), que sonha em concorrer ao Senado. Ela disse que chegou a conversar com Bolsonaro sobre o assunto. “Eu falei para o presidente que em 2026 eu venho com certeza, mas em 2022 a gente precisa ter cuidado para não dividir a direita”, afirmou, segundo o jornal O Estado de S.Paulo.

Zambelli criticou a postagem de Janaina. “É por essas e outras que me pedem para considerar o Senado”. Ela acrescentou, ainda, que não se considera “pau mandado”.

Leia Também:  Paulo Ganime diz que Bolsonaro não cumpriu o que prometeu, principalmente na política econômica e que ele "não é santo"

Janaina disse que, ao se referir a um “Senado de pau-mandado”, ela quis dizer que Bolsonaro foge da independência e busca priorizar parlamentares que o adulem. 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política de São Paulo

Uma pessoa morreu de frio enquanto a Prefeitura de São Paulo comemora ter R$ 30 bilhões em caixa

Publicados

em

“Há algo de errado quando economizar vale mais que salvar vidas”, postou Guilherme Boulos nas redes sociais – Reprodução / Facebook

Brasil 247 – O líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST)  e candidato a deputado federal, Guilherme Boulos (PSOL-SP), usou o Twitter para questionar a sobra de caixa de R$ 30 bilhões anunciada pelo prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), enquanto a população de rua sofre com os efeitos do frio na capital paulista, que já levou uma pessoa à morte.

“Uma pessoa morreu de frio na porta de um abrigo da Prefeitura de SP. Enquanto isso, a prefeitura comemora que tem R$ 30 bilhões em caixa, valor recorde. Há algo de errado quando economizar vale mais que salvar vidas…”, postou Boulos no Twitter. 

A postagem faz referência à morte de Isaías de Faria, de 66 anos, que faleceu no centro comunitário São Martinho de Lima, na zona leste de São Paulo, na manhã da quarta-feira, 17.

Leia Também:  Patinando nas pesquisas, ex-ministro de Bolsonaro parcial Sérgio Moro provoca Lula e apanha nas redes sociais

Segundo o presidente do Movimento Estadual da População em Situação de Rua, Robson Mendonça, Isaías Isaías havia dormido na rua, próximo ao núcleo de convivência. Durante a madrugada a temperatura média chegou a 7º, mas as rajadas de vento fizeram a sensação térmica chegar a 0º.

Veja a postagem de Guilherme Boulos.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍTICA

TUDO SOBRE POLÍTICA

POLÍCIA

ESPORTE

GERAL

MAIS LIDAS DA SEMANA